México vai lutar contra o Brasil

A seleção mexicana claramente não está de bom humor para o próximo encontro com a seleção brasileira. Esta é uma partida que será realizada como parte da Copa do Mundo. Aproxima-se a oitava parte da final, e novamente os mexicanos atingiram o patamar que não conseguiam há 6 torneios seguidos. Agora que se espera o quinto jogo do torneio, será que o México conseguirá ultrapassar essa fronteira agora?

Vale destacar que antes o México conseguiu contornar os alemães, que perderam por 1 a 0. Esta é a primeira vitória internacional da equipe desde 1985.

Apesar de termos de lutar contra o favorito do campeonato, o capitão da equipa está cheio de autoconfiança. Apesar do grupo difícil, a equipe conseguiu passar de 1/8. Definitivamente não vale a pena parar, embora as chances de vitória sejam baixas, você precisa lutar até o fim.

Como parte do grupo, houve uma derrota para a Suécia na parte final. No entanto, a derrota para a seleção sul-coreana permitiu que eles alcançassem a segunda posição da fase de grupos. Os suecos vieram primeiro. No entanto, a distribuição posterior não foi tão justa. A seleção sueca ficou com a Suíça e nossos heróis com o Brasil. É desta forma que os playoffs serão realizados para as equipes. O adversário mais próximo é fortíssimo, os brasileiros são pentacampeões mundiais, ainda não perderam uma partida.

Mesmo assim, os atletas estão inspirados, pois ainda não conseguiram derrotar os alemães nem uma vez. Anteriormente, o jogo mais forte em escala mundial eram os encontros em 1986, quando os mexicanos conseguiram chegar às quartas de final. Vale lembrar também que o México já venceu o Brasil. Isso aconteceu em 2012, quando eles tocaram no Texas. Surpreendentemente, marcaram 2 gols que os favoritos do campeonato não conseguiram responder.

Aproxima-se a

Quanto à composição atual das equipes, deve-se levar em consideração que os brasileiros podem perder vários jogadores ao mesmo tempo devido a uma série de lesões. O México entrará em campo sem Moreno, que recebeu muitos cartões amarelos. Por esse motivo, já estão ocorrendo treinamentos separados.

Para o Brasil, o torneio já se tornou um evento comemorativo, pois marca 60 anos desde sua primeira vitória em tal escala. Naquele ano distante, a Suécia sediou as seleções, e os campeões disputaram com ela a final. Naquele ano distante, o jovem Pelé ainda jogava no time. Depois disso, o time mereceu o título várias vezes mais, em: 1962, 1970, 1994 e 2002. Também houve momentos tristes, por exemplo, os brasileiros nem chegaram aos três primeiros em 2014, quando receberam todos os participantes do torneio.

Seleção mexicana caminha por Moscou

O técnico da seleção mexicana e integrantes da seleção passaram pela capital da Rússia. Aparentemente, é assim que o time relaxa e recarrega as energias positivas antes de jogar pela seleção brasileira. São os favoritos que vão se opor aos jogadores na próxima fase do Campeonato em curso. As 1/8 de final estão chegando.

O que estranhar

Vale ressaltar que para isso tive que tirar um dia de folga e remarcar o treino. Aliás, não há o que estranhar, a Rússia fica muito longe do México para perder a chance de conhecer esse colorido país. Enquanto isso, faltam apenas 3 dias para o jogo decisivo. A partida dentro do torneio acontecerá em Samara.

Vale ressaltar que desde 1970 e 1986, esta é a primeira chance do México avançar até agora no nível internacional.

Ex-presidente do Barcelona será julgado

O ex-presidente do Barcelona está sendo julgado por lavagem de dinheiro. Sandro Rossel comparecerá à Justiça para apurar todos os meandros do caso relacionado à venda dos direitos dos jogos brasileiros.

O Comitê de Investigação do país já apresentou uma decisão para conduzir o caso. Acredita-se que o ex-presidente da empresa, sua esposa e outras duas pessoas estejam envolvidos em lavagem de dinheiro. Ainda não foi marcada data para a audiência.

De acordo com os materiais em que o juiz se baseou, há motivos para acreditar que o dinheiro foi desviado. Problemáticos são os contratos de patrocínio entre a equipe e a Nike. Além disso, não está claro o destino dos recursos recebidos com os direitos de exibição na televisão das partidas com a participação do Brasil.

De euros

De acordo com os contratos, foi registrada uma perda de 5 milhões de euros e de direitos televisivos – 15.

No momento, o ex-presidente do clube de futebol está sob custódia. Recorde-se que esteve à frente do Barcelona no período de 2010 a 2014. O próprio suspeito nega completamente sua culpa e ligação com os eventos descritos.

Vale ressaltar que outro caso está sendo preparado na Espanha. Acusa Rosell da ilegalidade da transferência de Neymar para o Barcelona, ​​ocorrida em 2013. Nota-se que ações fraudulentas e esquemas de corrupção aparecem no caso.

União ganha mais uma semana para se preparar

O União Esporte Clube ganhou uma semana a mais para se preparar para a segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro. Isso porque a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) adiou a primeira rodada para os 9 e 16 de julho. Anteriormente, o Colorado entraria em campo já no próximo sábado (1º), pelo jogo de ida, enquanto o jogo de volta seria no dia 9 do próximo mês. Agora o time rondonopolitano também aguarda a confirmação do adversário que pode ser a URT ou o Villa Nova, ambos de Minas Gerais.

 

Essa mudança foi necessária porque a CBF vai esperar o resultado do julgamento do São Raimundo, do Pará, marcado para amanhã (30), às 9h. O clube foi denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva por supostamente ter escalado o jogador Leandro Seixas, de forma irregular, na vitória por 4 a 0 contra o Baré, de Roraima, no dia 11 de junho, pela quarta rodada do campeonato.

 

Caso seja punido pelo artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), “incluir na equipe atleta em situação irregular”, o São Raimundo pode perder três pontos, além de multa de R$ 100 a R$ 100 mil. O primeiro impacto nos duelos da segunda fase seria a eliminação do time do Pará, classificado como segundo colocado do Grupo A-2. Com 10 pontos conquistados, a equipe ficaria com 7 pontos (caso seja condenado) e não teria pontuação suficiente para se classificar.

Entrada do time capixaba

 

Como no mata-mata apenas os 15 melhores segundos colocados dos 17 grupos avançam, a Desportiva Ferroviária, do Grupo A-13, entraria na vaga por causa do número de gols marcados. Inter de Lages, vice-líder do Grupo A16, continuaria fora.

 

O regulamento da Série D obedece a ordem crescente da numeração recebida pelos grupos no começo do torneio (1 a 17) para fechar quem enfrenta quem. A saída do São Raimundo, e a entrada do time capixaba trazem assim uma reviravolta na tabela.

 

REFORÇOS

 

O União apresentou ontem (28) dois novos reforços. Um deles é o volante Jean Neves, de 30 anos e, o outro, é o lateral esquerdo Vinicios Matheus, de 20 anos. Ambos os jogadores foram emprestados pelo Cuiabá.

 

Jean é conhecido do futebol mato-grossense e, além do próprio Cuiabá, já defendeu o Operário VG e o Mixto. Já Vinicios é oriundo das categorias de base do São Paulo (SP) e atuou pelo Dourado.

Kiko Araújo aproveita adiamento da Série D Teremos mais tempo para treinar

O União iria jogar contra o URT-MG no dia 01 de julho, pela partida de ida. O Colorado aguarda a definição da CBF para saber da nova data e adversário.

E advers

 

O técnico Kiko Araújo recebeu a notícia do adiamento da segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro de forma positiva. Porém, além da mudança de data, o adversário também poder ser outro. Como o STJD recebeu uma denúncia de uma suposta escalação irregular de um jogador do São Raimundo-PA, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), irá oficializar as novas datas e confrontos na sexta-feira, dia 30.

 

O treinador já estava com o pensamento, e com estudos em dia sobre o URT-MG. Mas se caso confirmar a mudança, Araújo terá que redobrar as atenções sobre o novo adversário o Villa Nova-MG.

 

– Havíamos traçado o planejamento para enfrentar o URT-MG, agora temos que aguardar o desdobramento do caso para saber de fato quem iremos enfrentar na segunda fase. Independente de quem seja o adversário, temos que estar preparados e sabemos que a dificuldade será enorme – destacou Araújo, em entrevista por telefone.

 

A princípio, o União iria enfrentar o URT-MG, no dia 01 de julho, mas com a susposta escalação irregular do jogador Leandro Gleidson Diniz Seixas, do São Raimundo-PA, a CBF adiou os jogos até o julgamento. Sendo assim, o treinador do Colorado ganhou alguns dias a mais em seu planejamento para a sequência da competição nacional.

 

– Foi bom. Sendo assim teremos mais tempo para corrigir alguns erros que cometemos durante a primeira fase. Agora a competição exige total concentração e menos erros possíveis. Com muito empenho iremos conquistar o nosso segundo objetivo dentro da competição, que é avançar à oitavas de final – concluiu.

 

Anteriormente, o União enfrentaria o URT-MG. A partida seria dia 01 de julho e a volta no dia 09. Agora, o Colorado aguarda a confirmação do adversário, que será URT-MG ou Villa Nova-MG. A CBF irá publicar a tabela oficial nesta sexta-feira, dia 30 de junho, após o julgamento no STDJ do São Raimundo-PA por uma suposta escalação irregular.

Kiko Araújo comemora classificação, mas alerta dificuldade vai aumentar

União terminou a primeira fase com 11 pontos e na liderança do Grupo A11. O próximo adversário é o URT-MG, e o jogo de ida será fora casa, no dia 01 de julho.

 

Um dia após a vitória por 2 a 1 sobre o Sete de Setembro-MS, e a conquista da classificação para a segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro, o técnico Kiko Araújo fala da importância em ter um elenco unido, e garante que o comprometimento de todos pode gerar bons fruto para a sequência da competição nacional.

 

– Todos os jogadores estão de parabéns. O comprometimento existe desde o primeiro dia do nosso trabalho, e isso foi essencial para conquistarmos os nosso primeiro objetivo. Temos que comemorar, mas ter a consciência que o grau de dificuldade vai aumentar – destacou Araújo, em entrevista por telefone.

 

O União terminou a primeira fase da Série D como líder do Grupo A11 com 11 pontos conquistados. Em seis jogos, foram três vitórias, dois empates e apenas uma derrota. O Colorado marcou oito gols e sofreu seis. O Colorado está entre as 32 equipes que avançaram para a segunda fase. Nesta fase a competição passa a ser decidida em confrontos mata-mata. O adversário será o URT-MG, o primeiro duelo será Minas Gerais e a volta em Rondonópolis.

 

– Sabemos que agora passa a ser uma outra competição. Os adversários são mais qualificados, e temos que estar preparados para o que der e vier. O URT-MG é uma boa equipe, vamos trabalhar intensamente para fazer um bom jogo fora de casa – concluiu.

 

A principio o jogo de ida entre URT-MG, está marcado para o próximo domingo, dia 01 de julho, às 15h (de MT) no estádio Zama Maciel, em Patos de Minas. A volta está marcada para o dia 09 de julho, no estádio Luthero Lopes, também sem horário definido. A CBF deve oficializou os horários das partidas na tarde desta segunda-feira.

Entre as 32

União anuncia dois jogadores ex-Cuiabá para sequência da Série D

O volante Jean e lateral-esquerdo Vinícius Matheus chegam para reforçar o setor de marcação do Colorado; clube busca um zagueiro e um atacante.

 

om a intenção de se reforçar para a sequência da Série D do Campeonato Brasileiro, o União foi ao mercado. O Colorado oficializou na tarde desta quarta-feira a contratação de dois jogadores. São eles o volante Jean e lateral-esquerdo Vinícius Matheus, ambos ex-Cuiabá.

 

O Jean estava no elenco do Dourado, que foi campeão estadual este ano, mas perdeu espaço na Série C. Ele é velho conhecido da torcida mato-grossense, o jogador tem 30 anos e teve passagens pelo Operário Várzea-grandense e Mixto.

 

O outro contratado é o lateral-esquerdo Vinicius Matheus. O jogador tem 21 anos, e é formado na categoria de base do São Paulo. Ele chega para brigar pela posição de titular com Lucas Mendonça.

 

Os atletas ainda não foram inscritos no BID (Boletim Informativo da Diário da CBF), mas o União terá tempo para regularizar os jogadores devido o adiamento oficializado pela CBF, de uma semana, para o início da segunda fase da Série D.

 

A diretoria do clube está em busca de um zagueiro e um atacante, e alguns jogadores estão sendo avaliados, e com negoiações avançadas. Os nomes não foram divulgados.

 

O União enfrentaria o URT-MG na segunda fase da Série D. A partida estava marcada para o dia 01 de julho e a volta no dia 09. Agora, o Colorado aguarda a confirmação do adversário, que será URT-MG ou Villa Nova-MG. A CBF irá publicar a tabela oficial nesta sexta-feira, dia 30 de junho, após o julgamento no STDJ do São Raimundo-PA por uma suposta escalação irregular.

 

Veja a ficha técnica dos jogadores:

 

Nome: Jean Neves

Idade: 30 anos

Altura: 1,78m

Posição: volante

Últimos clubes: Cuiabá, Operario-VG, Mixto

 

Nome: Vinícius Matheus

Idade: 20 anos

Altura: 1,75m

O na S

Posição: lateral-esquerdo

Últimos clubes: São Paulo (base), Cuiabá

De olho na Série D, União espera publicação do acórdão para o recurso

Decisão do TJD-MT retirou seis pontos do Colorado, e o clube precisa da publicação do acórdão pela Federação Mato-Grossense de Futebol, para entrar com o recurso Gauchinho, presidente do União Rondonópolis (Foto: Kelson Abrão)

 

Sem esperança de voltar à semifinal do Campeonato Mato-Grossense, o União espera pela oficialização do acórdão do TJD-MT para tentar ao menos a vaga na Série D do Campeonato Mato-Grossense de 2018, através do recurso.

 

No julgamento realizado no dia 4 de abril pelo Tribunal de Justiça Despotiva de Mato Grosso, ficou decidido a perda de seis pontos do União Esporte Clube na tabela de classificação, e com isso também a retirada do time da semifinal do estadual, e consequentemente o time de Rondonópolis perdeu a vaga na Série D do ano que vem.

 

E é justamente essa última perda, que o Colorado quer tentar reverter. Em conversa com a reportagem do GloboEsporte.com, o Presidente do União disse que voltar ao estadual é muito difícil, mas que vai lutar até o fim para voltar a ter o direito de disputar a Série D em 2018.

 

– Estamos esperando a decisão técnica dos membros do TJD-MT, para aí sim entrar com o recurso. Sabemos que voltar à semifinal já é praticamente impossível, o estadual já era, não volta mais. Mas o nosso objetivo, é conquistar pelo menos a vaga na Série D, e é o que vamos tentar com esse recurso. disse Edicarlos Olegini, Presidente do União de Rondonópolis.

 

Segundo o Presidente do TJD-MT, João Vicente Scaravelli, o acórdão deve ser disponibilizado à Federação Mato-Grossense de Futebol ainda hoje. A partir daí, o clube teria 48 horas para entrar com o recurso.

O meia Ronaldo Ortega

 

Enquanto isso, muitos dos jogadores que estavam atuando pelo Colorado na competição já deixaram o clube. Entre eles o meia Calado, um dos jogadores envolvidos na denúncia feita pelo Dom Bosco,e  que culminou na eliminação do União na competição.

 

Além de Calado, deixaram o clube o atacante Valdir Papel, o lateral direito Alessandro, os volantes Pink e Lê, o zagueiro Kall, e o goleiro Rubens Júnior. O atacante Edilson, e o meia Ronaldo Ortega, foram para o comando técnico do time sub19. Segundo ainda o Presidente Edicarlos, só os garotos aproveitados da base ficaram.

 

– O objetivo é não parar, fazer um trabalho diferente de outros anos, temos que sair daquele círculo vicioso. Nós ajustamos os salários de quem ficou, vamos organizar a casa, não dá mais para os atletas ficarem oito, nove meses parado como ficavam antes.

Para o União, derrota no tribunal não é o fim de tudo, e já prepara o recurso

O Colorado foi punido pelo TJD-MT com a perda de seis pontos e multa de um salário mínimo, mas a defesa do clube já prepara o recurso que deve ser feito em 48 horas

 

O resultado do julgamento desta terça-feira no TJD-MT não agradou dirigentes, jogadores e nem torcedores do União Esporte Clube. O Colorado perdeu seis pontos na tabela de classificação, e a vaga na semifinal do Campeonato Mato-Grossense por decisão unânime, que entendeu que o clube escalou irregularmente dois jogadores no estadual dessa ano.

 

Mas para o Presidente do União de Rondonópolis, a decisão tomada pelo tribunal não deve ser definitiva. Em conversa com a reportagem do GloboEsporte.com pela manhã de hoje, o dirigente disse que o clube deve recorrer da decisão.

 

– É difícil né, uma situação complicada essa que estamos vivendo, mas temos que tocar o barco, continuar com o trabalho. Mas se temos esse recurso, devemos usar com certeza, se é de direito do União recorrer, devemos fazer uma reunião ainda hoje com o jurídico, e devemos entrar sim. disse Edicarlos Olegini, Presidente do União Esporte Clube.

 

Para isso, o clube tem que se apressar. Segundo o Presidente do TJD-MT João Vicente Scaravelli, o prazo para que o União protocole recurso no Pleno do TJD-MT é de 48 horas. Ainda assim, a rodada marcada pela Federação Mato-Grossense de Futebol para o fim de semana não deve ser alterada.

Escalou irregularmente

 

– Existe esse prazo de 48 horas para que o clube entre com o recurso, e nesse caso, ele pode ser com efeito suspensivo e devolutivo, mas mesmo assim não deve atrapalhar nos jogos do fim de semana. Caso o clube obtenha vitória no recurso, aí sim pode ser feito alguma alteração no jogo em questão.

 

Com a perda dos seis pontos, o União não só ficou de fora da semifinal, como perdeu também a vaga na Série D do Campeonato Brasileiro de 2018.

Garantido na semifinal, União quer colocar 10 mil pessoas no Luthero

Com um jogo ainda pela primeira fase do Mato-Grossense contra o Cuiabá na Arena Pantanal, o Colorado já pensa na semifinal, e quer o estádio de novo como caldeirão

 

Faltando apenas um jogo para terminar a primeira fase do estadual, o União de Rondonópolis já está com a cabeça lá na semifinal. Isso porque independente do resultado diante do Cuiabá nesta quarta-feira, o Colorado já está garantido na próxima fase.

 

Com 16 pontos, o União está em segundo lugar do grupo B, com três pontos a menos que o Cuiabá, líder com 19 pontos. Esse quadro só se inverteria, caso o time de Rondonópolis vencer o Dourado por sete gols de diferença. De qualquer forma, o Colorado já está garantido entre os quatro melhores, e a diretoria do clube já está de olho nessa fase, inclusive contando com o apoio em massa da torcida colorada.

 

-Estamos trabalhando para colocar de oito a dez mil pessoas no Luthero Lopes na semifinal, a diretoria já está promovendo algumas ações fortes para isso, vendendo pacotes de ingressos nas empresas, e a gente quer ver o estádio lotado para apoiar o União nessa fase decisiva da competição. disse Edicarlos Olegini, Presidente do União.

 

A última vez que o União conseguiu juntar tantos torcedores no Luthero Lopes, foi na decisão diante do Operário FC em 2010, quando o clube conseguiu o seu primeiro título estadual.

 

Sobre a possibilidade de perder pontos, depois de uma denúncia do Dom Bosco ao Tribunal de Justiça Desportiva de Mato Grosso, alegando que dois jogadores do União estariam irregulares na estreia contra o Araguaia, o presidente do clube disse que o pensamento agora é só dentro de campo.

 

-Não temos nada de concreto sobre essa eventual denúncia por parte do Dom Bosco, se de fato ocorreu, aguardaremos ser notificados para tomarmos providências. Estamos tranquilos e trabalhando, como temos feito desde o início de nossa gestão, por um União Esporte Clube mais forte e por um futebol Mato-Grossense mais forte.

 

VEJA AQUI A TABELA DO MATO-GROSSENSE

 

Enquanto aguarda a semifinal, o União vai entrar em campo mais uma vez pela primeira fase contra o Cuiabá, na Arena Pantanal, às 20h45, jogo que será transmitido ao vivo pela TV Centro América.

Dio de novo como